Falando de Maternidade, Papo de Grávida, Sem categoria

Menino ou menina?

images

         Sua barriga já começa a crescer um pouquinho e logo as pessoas perguntam: é menino ou menina? A partir dos 3 meses já é possível saber o sexo do bebê, porém a maioria dos médicos prefere não arriscar e somente dar a notícia a partir do quarto mês. Eu no lugar deles não arriscaria de jeito nenhum! Já vi casos de mamães prepararem todo o seu enxoval baseadas em uma previsão e logo depois descobrirem que era o sexo oposto do que foi informado. Algumas mamães morrem de curiosidade não se aguentam e colocam o médico na parede não contendo sua ansiedade. Mas gente o que custa esperar mais um pouquinho? Antigamente as mulheres ficavam grávidas e só descobriam o sexo do baby no dia do nascimento! Imagina só? As mamães desse século definitivamente morreriam de ansiedade!

        Tá legal! Você ainda não sabe o sexo do bebê, e já não bastasse a ansiedade natural da grávida ainda surgem as perguntas: “Mas você quer o que? Menino ou menina?” É claro que a maioria dos pais pensam ou projetam suas preferências. Mas eu penso que apesar delas precisamos nos condicionar a não esperar muito por um determinado sexo. O pensamento sempre deve ser: menino ou menina o que vier vai ser benção! Em alguns casos deve mesmo ser um exercício constante para que não ocorra um choque, frustração o qualquer tipo de rejeição possível.  Minha irmã caçula sempre sonhou com uma menina, já o pai queria um menino. No dia da descoberta do sexo a mãe chorou e o pai gritou! E isso aconteceu literalmente! Seu mundo rosa se transformou azul, ficou tudo bem e Manu foi muito amado e esperado! Mas se pudermos não passar por isso melhor! Não é?!

      Logo que descobri que estava grávida esse foi meu exercício! As pessoas me perguntavam o que eu queria e eu dizia exatamente “Eu quero o que Deus quiser! O que vier é benção!”  Em silencio eu imaginava uma menina, não pelos lacinhos e fluflu mas porque achava que seria uma boa mãe de menina! Pouco antes de saber o sexo uma irmã me perguntou: “Como vai a Ester?” Ela disse que seria menina e que seu nome seria Ester! Eu me senti Maria, quando o anjo apareceu e falou que ela daria a luz e o seu nome seria Jesus! Kkk! Brincadeiras à parte, imagina uma irmãzinha chegando pra você grávida e falando isso? Gente quase que eu pirei neh?! Pois um dos nomes que eu cogitava caso fosse menina seria Ester! Eu até me empolguei, mas não testificou! Rs! Aguentei firme e logo chegou o quarto tão sonhado mês. A médica que acompanhou todas as minhas ultras já havia me dito que tinha 75%  de chances de ser menino e 25% menina! Então já estava meio do caminho avisada! No dia da descoberta tharaaam MENINO! Eu não posso dizer que chorei de emoção porque eu não chorei, mas fiquei feliz por ter confiado em Deus! “É um menino mamãe! Qual será o nome?” Com um sorriso no rosto eu respondi “Será Abraão!” Com outro sorriso o médico me respondeu: “E por que não Astrogildo? Ou Godofredo?” Engraçadinho esse doutor neh?!  Eu tinha mais certeza do nome de menino do que de menina e sempre fui apaixonada por Abraão! Já pensou? Que nome forte e único?! Vai me dizer que quando você ouve o nome Abraão, você logo não pensa em pai de nações e herói da fé? (kkk) Bom eu não vou nem dizer aqui que a escolha do nome foi pano pra muita manga, só debaixo de muita oração, porque papai e mamãe não concordavam com nada! Mas vou deixar isso para tema de um próximo post! Saindo do consultório fomos claro comemorar com a família essa grande notícia! Eu tenho que dizer que havia planejado muito a descoberta, queria chá de revelação e tudo mais…. Mas a ansiedade de esperar, ver meu bebê na tela, seus movimentos ainda que com muita dificuldade porque eu nunca sabia o que era o pé e o que era mão (kkk) tomou-me conta! Mas eu te digo que não me arrependo sabia?! Fluiu tudo muito natural e no final tudo terminou em pizza com família reunida e todos votando possibilidades de nomes! Hoje ficam as memórias desse momento inesquecível, onde descobri que seria mãe de um príncipe! Ser mãe de menino se constituía um grande desafio para mim! Muitas expectativas giraram em torno dessa descoberta…  o que eu nem sequer imaginava que ser mãe de menino seria algo tão INCRÍVEL!

14731206_1738015203130788_702961753698925850_n

 12

Anúncios

4 comentários em “Menino ou menina?”

  1. Nossa que lindo … estou passando por isso , idealizando e sentindo que seja menina mas me preparando para um menino. Ainda não sei o sexo do meu bebe , apesar de já estar com 4 meses. No começo queria muito um menino, mas o pai quer muito uma menina e todos dizem que é menina , acabei me permitindo aceitar que seja uma menina que estou gerando . Mas já pedi a Deus que tire isso do meu coração por que não quero me frustra . Quero que apesar do sexo me traga muita alegria !

    Curtido por 1 pessoa

    1. É assim mesmo Jéssica, ás vezes cada um quer uma coisa! Algumas mulheres sentem, outras acusam na aparência, outras sentem que é uma coisa, mas queriam outra e no final cada um torce para um lado. Mas são momentos! Depois da descoberta é só alegria! O importante é amar desde sempre e confiar em Deus para que venha com muita saúde! E saúde para nós mamãe também!! Pois haja energia! kk

      Curtir

  2. Q legal! Rsrs fiz igual a vc o que vier com saúde, amém, tb não queria criar expectativas e depois possível decepção, na ultra chorei sim de emoção e o pai rindo, ele tinha certeza de q era menino, a primeira coisa que eu disse, como vou ser mãe de. Menino? Em. Meio a. Lágrimas rs e estou amando td isso

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s